segunda-feira, 22 de setembro de 2008

"FINALMENTE" A CHUVA MOLHOU BRASÍLIA.

Viu como a força do pensamento ajuda?
Lembra do post que eu escervi sobre o tempo chuvoso(CHUVA,VAI MOLHAR OUTRO LUGAR) aqui no Rio e lá em Brasília, necas de pitibiriba de chuva?
Pois é.Eu e Marina cumprimos o prometido.Cantamos a música da chuva para molhar Brasília e deixar a gente ir brincar aqui no Rio.
Na 6a feira passada, a Rachel, que eu citei no post, me escreveu uma "cartinha".
Olhem só:

"Finalmente choveu aqui em Brasília. De forma incrível depois que eu argumentei com Alessandra sobre a importância da chuva ela veio. Bem que Alessandra disse que conversaria com São Pedro e que faria a dança da Chuva para que ela viesse. Quanta influência! Nem acreditei. Estava indo deixar uma amiga em casa quando cinco gotas caíram no vidro do meu carro, seria chuva? Ou seria algum passarinho passeando por alí? Foi quando a brisa bateu e com ela veio aquele cheirinho de terra molhada bem característico. Cheiro que só quem mora em área de seca sente e dá valor...esse por aqui não passa desapercebido. A brisa úmida também tem seu valor, essa o carioca conhece...mas com um pouco de maresia, o que não importa, pois a praia também tem seu lugar. Bem, mas bastaram alguns minutos e aquelas cinco gotas se transformaram numa bela chuva que mereceu um belo fundo musical no rádio do meu carro. E foi assim, numa noite quente e seca, ao som do meu radio que a chuva voltou, transformando tudo num clima agradável de frescor e umidade!!! Dirigi bem devagar curtindo cada minuto. Na hora de descer do carro, muita calma, tudo bem devagar, é muito bom sentir a aquelas gotinhas escorrendo pelo rosto, tomaria um banho de chuva naquele momento não fossem minhas filhas lá no meu apartamento me esperando para colocá-las na cama. E mesmo com o fim de semana chegando, eu estou feliz! Espero que a chuva não vá embora...aproveitarei o clima gostoso para assistir um filme deitada no sofá! E você? Já dá valor a chuva?"


E para quem acredita que a força do pensamento faz a "coisa" acontecer, o recado tá dado.

: )


Um comentário: